Gerou polêmica, mas eu só quero um Egeo

Antes de ler, caso não tenha visto o comercial, clica aqui.


Quem fez propaganda que gerou polêmica? O Boticário, mas como assim? Polêmica? É, por mais que eu tenha achado um comercial diferente (no melhor sentido possível) e necessário no quesito de explorar o que é fora do “tradicional” para as pessoas, a palavra mais atribuída a ele na última semana foi “polêmica”. Infelizmente, muitas outras pessoas o relacionaram com “desrespeitoso”, “uma vergonha” e outras coisinhas que é melhor nem comentar. Coloquei o link do vídeo para vocês, né? Só que além do vídeo, seria interessante ler os comentários e se perguntar pra que tudo aquilo, principalmente por conta de o comercial mostrar pessoas se encontrando e se abraçando. 

Tudo bem, é típico falar que temos opiniões e gostos diferentes, logo, uma discussão dessas é normal, mas pensa... É extremamente aceitável discutirmos sobre a opção sexual de outras pessoas? Argumentar contra elas colocando a bíblia no meio? Falar que uma pessoa não merece respeito só por causa de quem ela ama ou deixa de amar? Gerar discussões sobre “boicote” a campanha de uma marca por ela defender todo tipo de relação? “Família tradicional isso e aquilo”, tá bom, mas a vida não é assim, desculpa te falar, mas nem todo mundo segue o que você acredita ou gosta.

Se você não aceita ou não gosta, é algo seu, certo? Você terá seus motivos, por pior ou melhor que sejam. No entanto, respeito deveria ser algo colocado na frente de qualquer tipo de situação, não só respeito com as outras pessoas, mas com você mesmo. A questão não é você discordar ou concordar, mas sim o que você faz a partir disso, lembrando que só estou falando em relação ao comercial. Tem uma coisa legal, que se chama limite, mas infelizmente a noção dele já foi muito perdida, a tolerância também. Não sei como atacar as pessoas por motivos assim, pode agregar algo na vida de alguém, sério. É uma pena questões como essa ainda serem tratadas dessa forma.

Se você quer ficar atacando O Boticário e etc, ok, mas enquanto isso, quero saber só de uma coisa... CADÊ MEU EGEO?

You May Also Like

0 comentários