20/04/2015

Dica de série: Better Call Saul

Exibida no Brasil pela Netflix, Better Call Saul foi lançada há poucos meses e vem mostrando que não está pegando onda na fama de Breaking Bad, série da qual é derivada, já que também apresenta uma estrutura envolvente e empolgante. Seus criadores são Vince Gilligan (também criador de Breaking Bad) e Peter Gould (um dos produtores de BB), em 2012 foi anunciada a possibilidade de existir um spin-off de Jimmy/Saul Goodman (Bob Odenkirk), que na famosa série era o advogado de Heisenberg/Walter White (Bryan Cranston) e de Jesse Pinkman (Aaron Paul).


No começo da primeira temporada, vemos Saul após os acontecimentos em Breaking Bad, mas logo isso muda e somos jogados para anos antes, quando ele era muito diferente e ainda atendia por Jimmy McGill, em BCS vemos principalmente essa transformação. Goodman tem dificuldades enormes para vencer na profissão, conta com um espaço minúsculo que usa como "escritório" e apesar de arrumar alguns novos clientes e de tentar ficar longe de problemas, ele parece que atrair confusão, sério, "andar na linha" é algo difícil para nosso protagonista! Ele tem um irmão que vive um pouco isolado com um estado de saúde meio estranho,que é descrito como uma alergia a eletricidade. É inevitável não dizer que a segunda temporada está sendo muito aguardada, já que a primeira contou com apenas 10 episódios, além disso, nela é possível notar um bom desenvolvimento dos personagens, que juntos constituem uma estrutura muito cativante e assim como Breaking Bad, a vontade de ver o próximo episódio sempre é despertada.


Veja um dos trailers da série:

Nenhum comentário:

Postar um comentário