29/12/2014

É só questão de tempo?

Não sei como explicar, só sei que era bem difícil ver algo assim, você sempre repetia a mesma coisa todas as vezes que eu questionava se algo mudaria: “com o tempo nós vemos isso”. Em todas essas vezes eu pensava com toda a vontade do mundo “por favor, seja paciente”, mas eu sabia que ser paciente e esperar o tempo passar, só pioraria tudo. Já ouviu muito que o tempo cura tudo, não é? Ah, não só isso, mas também aquela velha história de que ele é a resposta para todas as nossas perguntas torturantes e nossas agonias. Só que seja sincero, o tempo não era a questão, sua falta de rumo que era. Ver alguém assim, sem saber para onde ir ou mesmo com medo de ir, é tão ruim, só que acho que uma hora ou outra, em algum momento meio que sem perceber, todo mundo se pega sem saber o que fazer. 

Pena que enquanto você achava que estava ganhando tempo, o contrário estava acontecendo, ele estava se esgotando. Um pouquinho de nós se desgastava com cada espera, com cada referência a esse que tempo, que só Deus sabe o significado que você enxergava nele. Eu só queria que você resolvesse logo suas coisas, acabasse logo com o que precisa, porque voltar ao zero várias vezes por conta de coisas mal resolvidas é horrível, por favor saia desse ciclo vicioso no qual mergulhou sem perceber. Realmente, quem diria, não é? O clichê continua fazendo sentido: “A gente sempre acha que vai ter mais tempo, aí o tempo acaba”, mas é fato, as vezes infelizmente ele acaba com você mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário